Lanches Fit rápidos e fáceis #AgostoComANanda 21

1986_1312499252_foto3

Olá genteee, tudo bem com vocês? Caramba, eu to atolada de posts pra fazer haha mas estou aqui! <3 E como vocês sabem, eu ando me alimentando bem melhor e fazendo academia, e por isso eu vim mostrar pra vocês alguns pratos que eu ando comendo de café da manhã (pré treino), quando chego da aula a tarde (chego morrendo de fome) e no jantar. Pra conferir é só vir comigo:

1. Tapioca, crepioca e omelete
Já to cansada de falar de tapioca aqui no blog (brincadeirinha). Já tem um post mostrando pra vocês os meus recheios preferidos e também contando por que trocar o pão pela tapioca. Eu adoro comer quando chego da escola pois é algo SUPER rápido e prático de fazer, além de que me garante saciedade por muito tempo, então mesmo comendo só uma tapioca, consigo esperar até a hora do jantar tranquilamente. Uma nova receitinha que eu ando fazendo bastante também é a crepioca: são 2 colheres de farinha de tapioca para cada ovo cru. Daí eu gosto de adicionar queijo e mortadela picadinhos. Gosto de comer ou de café da manhã ou no jantar. Hmmm, delícia! Quanto ao omelete, é algo que eu sempre como. As vezes no almoço, as vezes no café da manhã… Adiciono também o queijo, a mortadela e a cebolinha picadinhos, além de uma colher de sopa de água para cada ovo.

crepioca-como-fazer-4

2. Frutas variadas
Eu virei uma super adepta de frutas na minha nova alimentação. Eu já ingeria antes, mas não em grande quantidade como agora. Uma dica legal é misturar uma fruta com cereais de chocolate com linhaça e granola (compro direto de caixinha). Eu adoro amassar duas bananas para misturar junto com os cereais no café da manhã. Também ando comendo muita manga, abacaxi, maçã e mamão (e salada de frutas então? amo ♥ haha). Outra dica para não enjoar é misturar as frutas com iogurte. :D Fica uma delícia!

3. Panqueca de banana
Como eu ando comendo muita banana, fui procurar novas receitas que eu pudesse incluí-la para não enjoar ao só comê-la pura. Então eu amo fazer panquecas de banana para o café da manhã. <3 Para fazer a receita tu só vai precisar de 2 bananas, 2 ovos e se quiser, um pouco de aveia. Daí é só amassar as bananas, misturá-las com os ovos e a aveia e colocar na frigideira. Muito simples, né? Pra finalizar, gosto de jogar um pouquinho de canela em cima.

panqueca-de-banana (1)

4. Ovo cozido, frango assado e batata doce
Essa receita demora um pouquinho mais e a gente vai precisar de uns 30 minutos. Eu inclui esses três alimentos na minha rotina alimentar do meio dia e da noite. Para o ovo cozido (que tem muita proteína :D), que eu amo jantar com um pratão de saladas, eu só coloco numa panela uns 2 ovos e deixo cozinhando por 20 minutos. Para o frango, gosto de comprar á milanesa e assar no forno. Demora cerca de 20 minutos e eu gosto de comê-lo no almoço, com também muita salada. A batata doce também é um ótimo alimento pois dá saciedade e não possui muitas calorias. Como tanto no almoço quanto no jantar e gosto de dar uma pré cozida antes de levar ao forno. Tempero com sal e orégano e deixo assando por 20 minutos.

5. Abacaxi tostado com canela
Para uma opção de sobremesa, trouxe uma fruta que eu adoro e dá pra fazer essa receitinha deliciosa sem fazer sujeira e super rápido. É só cortar uma rodela de abacaxi, deixar tostar e dourar um pouco na frigideira de um lado e depois do outro. Pra finalizar, é só adicionar canela a gosto e se quiser, um pouco de granulado (só um pouquinho, tá?). :D

receita-abacaxi-grelhado-calda

6. Bebidas: Suco verde e chá
Uma bebida que decidi incluir na minha alimentação foi o suco verde. No meu eu gosto de colocar 4 folhas de couve, meia maçã, bastante abacaxi, (as vezes meia banana), chia e 200ml de água. Daí é só bater no liquidificador e beber fresquinho com gelo. Ps: gosto de tomar logo que acordo, quando estou em jejum. Também ando tomando muito chá, uma bebida quentinha que é super rápida de fazer (troquei o açúcar refinado por açúcar demerara).

É isso meus amores, espero que tenham gostado e quando eu incluir mais receitas fit na minha alimentação venho contar pra vocês, ok? Até o próximo post. <3
big beijo

Por que trocar o pão pela tapioca? #AgostoComANanda 20

Olá gente, tudo bem com vocês? Nessa semana fiz um post mostrando para vocês os meus recheios preferidos de tapioca, mas aí eu pensei “por que não explicar as vantagens de trocar o nosso bendito pãozinho de cada dia pela massa nordestina que já entrou na rotina de muitas pessoas?”. Então, quer saber por que muitas pessoas fizeram essa troca? Vem comigo ♥:

tapioca_dica_nutricao2

Como nós sabemos, a massa de pão contém glúten. uma proteína que se ingerida de forma exagerada pode causar obesidade.Já a tapioca, que é preparada com a fécula de mandioca, também conhecida como goma, que quando espalhada numa frigideira aquecida se coagula e forma um crepe seco (como uma panqueca fina), não contém glúten e garante saciedade.

Algumas das vantagens de se ingerir tapioca em vez de pão são:
– Oferece quase a metade das 135 calorias do pão branco;
– Não contém glúten;
– Tem menor teor de sódio do que alimentos industrializados, como os pães e os biscoitos;
– É livre de gorduras e açúcar.

Além de ser bem mais saudável, seu preparo é muito fácil, rápido e versátil. É recomendado comê-la como café da manhã ou lanche da tarde. Há várias receitas lights para complementar como recheio, dependendo do seu plano alimentar (se está de dieta ou não). Também é uma ótima opção de pré e pós treino para a academia pois libera ou repõe energia rapidamente para o organismo. Dá pra inventar e combinar com mil recheios diferentes, tantos salgados quanto doces, já que a massa não tem muito gosto. Eu já fiz essa troca (de vez em quando rola um pãozinho, né?) faz umas 2 semanas. <3

Espero que tenham gostado. Me contem aqui em baixo se vocês são adeptas dessa massa, combinado?
big beijo

O Dia Nacional da Saúde – #AgostoComANanda 5

Olá gente! Como vocês estão? Se sentindo bem consigo mesmos? Se sim, fico feliz, de verdade! Não há nada melhor do que termos orgulho de ser quem somos e SER O NOSSO MELHOR!

11816049_766286903482688_125386985_n(Seja sua própria inspiração)

Já que hoje é o Dia Nacional da Saúde, resolvi falar com vocês sobre isso. Muita gente acha que ser saudável é sinônimo de ser magro. Não é bem isso, tá? É que obesidade pode desencadear várias outras doenças, então, melhor se cuidar né? :D Bom, primeiramente vou contar para vocês todo meu ponto de vista sobre esse assunto e minhas experiências.


Atualmente, eu estou numa fase da minha vida onde estou tentando mudar a minha alimentação e a minha rotina de exercícios. Confesso que quero perder 5 quilos, mas não é esse o objetivo da mudança. O que andava acontecendo é que meu corpo está acostumado a ingerir muita comida industrializada e tomar pouca água, e com o tempo, essa rotina alimentar começou a me encondar, pois eu acabava não me sentindo cheia após comer um monte de comida que não estava me fazendo bem. O meu problema é quantidade e ansiedade: não consigo comer 1 quadradinho de chocolate. Quando como o primeiro, ele logo vem acompanhado de mais 3. E isso estava realmente me incomodando de uma maneira muito grande, pois eu sabia que podia fazer melhor, podia ser melhor, para mim, para o meu corpo, para a minha saúde.. e não estava fazendo nada a respeito. Eu Antes que alguém pense “que dramática, tu só tem 14 anos”, eu te respondo: uma boa alimentação deve ser adquirida desde cedo. Fazem 2 semanas que comecei a caminhar e fazer exercícios físicos TODOS OS DIAS e a comer mais saudavelmente. E gente do céu, a sensação é ótima! Comecei a trocar um chocolate por uma maçã e um hamburguer por uma salada de frutas (amo). É claro que tem aqueles dias que eu só quero comer tudo que vejo pela frente, mas tirando isso.. Perdi 1 kg até agora, é pouco mas foi com muito esforço já, e sinceramente, não tem sensação melhor do que saber que eu estou fazendo algo por mim, algo para ser o meu melhor e me sentir realmente bem comigo mesma. Pois se eu me sentisse bem não precisaria fazer isso de forma tão pesada como estou fazendo, suando muito, mas minha alimentação e a minha felicidade interior estavam em jogo. Eu sei que ficarei muito mais feliz depois de atingir meus objetivos. BOM FERNANDA, DEU DE FALAR DE TI, hehe, agora vamos ao que interessa, não é?! Separei algumas questões e diquinhas para pensarmos sobre e quem sabe, fazer algo a respeito. :D



PicMonkey Collage

Primeiramente analise se você está feliz consigo mesma, se poderia fazer algo para melhorar e se sentir ainda mais feliz, sabendo que está fazendo algo para ser quem você quer ser. Se você acha que pode melhorar e quer mudar sua alimentação, então vem comigo conferir as diquinhas!

1. Tome muita água – Além de te manter hidratada, ajuda no intestino grosso! Eu tenho sentido isso, essa mudança, desde que comecei a tomar de 1 a 2 litros de água por dia. Gente, água é a base de tudo!

2. Troque os açúcares industrializados por açúcares naturais – Eu sou chocólatra assumida então essa missão foi extremamente difícil para mim. Com o tempo comecei a me acostumar com a ausência do chocolate (mas de vez em quando pode, tá? é só não exagerar) e a comer mais frutas por causa disso. As frutas contém açúcares naturais que são benéficos para o seu corpo. Se a sua mãe é como a minha e fica comprando doces sem eu pedir, dê a desculpa de que como não foi você que pediu, você não precisa comer, certo? (funciona para mim, por incrível que pareça, kkk).

3. Ponha esse corpinho para suar – Eu costumo caminhar 1 hora e meia por dia e fazer alguns exercícios de braço, perna e abdômen. O que eu faço é puxado, então você pode começar caminhando ou correndo 30 minutos apenas, que já fará diferença, acredite em mim. O único tempo ruim para malhar é aquele que você não está malhando.

4. Faça refeições leves – O certo não é comer bastante no almoço e jantar e no resto do dia pouco, sabia? O certo é comer 5 porções leves por dia. Por exemplo, um prato com arroz, feijão, carne e muita salada de almoço está equilibrado com uma salada de frutas com iogurte no lanche da tarde. Também é importante dar um intervalo de 3 horas para o nosso organismo conseguir digerir a refeição anterior.

5. NÃO DESISTA – Isso parece óbvio mas se eu não fico vendo fotos que me inspiram a malhar e não pensar na bolacha recheada eu acabo fazendo isso: comendo a bolacha e não malhando. Então salve fotos desse tipo do Pinterest ou We Heart It e se inspire, absorva as coisas boas para a sua vida. Uma coisa legal que eu fiz para mim, é você fazer um calendário com 30 dias e ir marcando um X nos dias que você atingiu seus objetivos! Vendo tantas conquistas diárias te motivará a continuar e alcançar o seu melhor.

11749679_766286893482689_64514418_n(Boa comida faz um bom dia)

IMPORTANTE: Se você se sente bem com você mesma, mesmo não se encaixando no perfil que a sociedade impoe, não tem problema. Lembre-se: esse post é sobre como ser saudável, não sobre ser magro, pois ser saudável não é uma fase, é um estilo de vida que você escolhe viver.

Dê tempo ao tempo que se você fizer tudo certinho, os resultados apareceram e tenho certeza de que você se sentirá muito melhor e ORGULHOSA de você mesma! :D Vamos nessa juntas?! Comentem aqui embaixo o que acharam do post, ele é feito de experiências e do que estou passando (uma fase muito boa). Espero poder inspirar alguém. <3 E me contem também o que quiserem, sintam-se á vontade.
big beijo